quinta-feira, 28 de março de 2013

Parte 1. A ida. Em Milão.

Temos de esperar oito horas no aeroporto de Milão até apanhar o avião para a Finlândia. Estão a imaginar a seca certo! O aeroporto é minúsculo, tem má aparência. Parece um spot de drogados, tudo a dormir onde da jeito. Pretos, chinocas e tudo o que possam imaginar com malas, malões, mochilas, tudo. Há seguranças pelo menos. Vamos ver se sobrevivo. Aqui são duas e vinte da manhã, o avião é as sete e meia. Agora pensem!

Sem comentários:

Enviar um comentário