terça-feira, 10 de janeiro de 2017

Do Natal.

Mesmo com esta vida de "casada", ainda não temos a nossa logística afinada no que diz respeito à nossa noite de Natal, então mantemos o que sempre tivemos. Eu nos meus pais, ele nos dele. É difícil largar estas pequenas coisas, e isso só com o tempo.
Sendo assim, passei o dia completo com os Mendes. Em casa a fazer rabanadas e sobremesas e a enfardar frutos secos. Eu e o meu irmão sabemos muito bem dar cabo daqueles pacotinhos de nozes e amendoins. Somos peritos!

E como tradição que é tradição. E eu adoro tradições, eu e a minha irmã fizemos mais um ano justiça à nossa.
Eu e ela em modo dois bombons.
Este ano o meu pai não resistiu e quis juntar-se. Ele agora super ativo nas redes sociais quer fazer parte de tudo. Entao meteu a prata do espumante no nariz e "mascarou-se" de garrafa.
Ficou a ser "dois bombons e a garrafa de espumante".
Mas no final achamos que da próxima não o vamos inserir na nossa cena. Não tem carisma.
Sendo assim, em 2017 prometemos ser só as duas. E o giro disto, vai ser daqui a 20 anos, eu com 40 e alguns, ela perto dos 30, e a continuar a tirarmos esta foto. Vai ser lindo.

Sem comentários:

Enviar um comentário